Ansiedade em adultos mais velhos pode ser um indicador para Alzheimer, diz estudo

Ansiedade em adultos mais velhos pode ser um indicador para Alzheimer, diz estudo

Uma pesquisa publicada nesta sexta-feira (12) no “The American Journal of Psychiatry” apontou que o agravamento de sintomas de ansiedade em adultos mais velhos serve como um “aviso” para o desenvolvimento do Alzheimer mais tarde. De acordo com o G1, cientistas observaram que quanto maiores os níveis de proteína associada à demência, a beta amiloide, mais significativos se transformavam os sintomas de ansiedade. Essa proteína envolve neurônios e atrapalha a comunicação entre eles, o que é um gatilho, por exemplo, para os característicos problemas de memória associados à condição. Cientistas estudaram 270 homens e mulheres cognitivamente normais, entre 62 e 90 anos. Eles foram acompanhados por cinco anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *