Depender de gorjetas no trabalho aumenta risco de depressão, aponta estudo

Depender de gorjetas no trabalho aumenta risco de depressão, aponta estudo

Foto: Shutterstock

Um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Saúde e Ciência de Oregon, nos EUA, apontou que trabalhadores que recebem gorjeta têm maior risco de depressão. Foram avaliados, segundo a revista Super Interessante, cerca de 102 milhões de norte-americanos que trabalham na área de serviços. Por dependerem da gorjeta para completar o salário, os trabalhadores enfrentam uma insegurança que compromete a saúde mental.

 

“A maior prevalência de problemas de saúde mental pode estar ligada à natureza precária do trabalho na área de serviços, incluindo salários mais baixos e imprevisíveis, benefícios insuficientes e falta de controle sobre as horas de trabalho e turnos designados”, afirmou a autora do estudo, Sarah Andrea. “Em média, os trabalhadores que dependem de gorjetas são quase duas vezes mais propensos a viver na pobreza do que os trabalhadores que não têm um emprego”, acrescentou. *BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *