IBGE terá novo modelo de coleta de dados para o Censo Demográfico 2020




Os números representam muito mais do que uma forma de quantificar algo. Eles estão presentes na rotina escolar, em cálculos dos mais simples ao mais complexos, regem a economia mundial e influenciam diretamente no comportamento humano. No Brasil, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é o órgão responsável pela mensuração dos números acerca do território brasileiro e sua população. Com o objetivo de homenagear esta fundação, nesta sexta-feira (6), comemora-se o Dia da Criação do IBGE. Apesar do IBGE ter sido fundado oficialmente no dia 29 de maio de 1936, essa data faz referência ao lançamento do Decreto de Lei nº 24.609 de 1934 que institui a criação do órgão.

Principal estudo realizado pelo IBGE, o Censo promete novidades. Desde maio, foi iniciado o primeiro teste de coleta de dados pela internet para o Censo Demográfico 2020. Esse recurso já havia sido utilizado em 2010 mas em poucos casos, apenas quando não era possível efetuar as pesquisas de forma presencial. Segundo o IBGE, o preenchimento dos questionários presenciais não deixará de ser realizado porque o principal objetivo da mudança é, justamente, fazer uma comparação entre os dois modelos.

A coleta de dados digital será realizado em 52 municípios das cinco regiões, incluindo também, domicílios de todas as capitais e cidades com mais de 500 mil habitantes. Embora os questionários sejam idênticos, a forma de divulgação e de acesso aos mesmos, será diferente em cada lugar. Entre as opções se encontram o e-ticket via Correios, agentes de pesquisas ou acesso liberado. A única preocupação com a nova pesquisa é a qualidade dos dados e questão técnicas e de logística que envolvem a novidade. *A Tarde

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *