Ilhéus: Jovem é espancada e morre 2 dias depois quando esperava exame

Foto: Reprodução/ Rede Bahia

Uma adolescente de 18 anos foi espancada e morreu no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Ilhéus, no sul da Bahia, onde aguardava para fazer exame de corpo de delito, após ter alta médica do hospital que foi atendida depois da agressão. O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (20). O ex-namorado da vítima é o principal suspeito da agressão que pode ter provocado a morte da jovem. O caso foi registrado na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Ilhéus. A agressão, segundo a polícia, ocorreu na noite de segunda-feira (18). A garota foi atendida no Hospital Regional Costa do Cacau na noite de terça-feira (19), mas foi liberada. O principal suspeito da ação é o ex-namorado, identificado como Masuquielves Menezes dos Santos. Os pais de Adriana Oliveira Santos levaram a jovem para o DPT de Ilhéus para fazer exame de corpo de delito. Os funcionários do local perceberam que o estado da adolescente era grave e acionaram o Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ela não resistiu. (G1/BA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *