Pesquisa encontra bactérias em alimentos de restaurante self servisse de shopping centers de Salvador




As hortaliças utilizadas na preparação de saladas e comercializadas em restaurantes self service fazem parte da alimentação de milhões de pessoas em todo o mundo, sendo de fundamental importância que sejam submetidos a métodos de higiene eficazes na remoção de micro-organismos que podem causar doenças transmitidas por alimentos (DTA), pois estas são um problema de saúde pública, com alta taxa de morbidade e mortalidade.

Por ano 76 milhões de pessoas ficam doentes, 300.000 são hospitalizadas e 5.000 morrem em consequência do consumo de alimentos contaminados por micro-organismos, em 51% dos surtos a causa não é identificada, mas em 14,1% o surto estava relacionado a alimentos mistos (crus misturados com cozidos) e 7,8% associados a alimentos a base de ovos.

O Biomédico Dr Ciriaco Pimentel visitou três shoppings localizados na cidade de Salvador-BA, entre os dias 16 de outubro e 10 de novembro de 2017, sendo escolhido um restaurante self service de cada Shopping. Após o processamento e análise para identificação de bactérias de origem fecal, todas as amostras de alface apresentaram qualidade de higiene insatisfatória, com número de bactérias por grama de alimento mil vezes maior que o limite tolerável pela Anvisa, imprópria para consumo humano, representando risco de infecção alimentar e comprometimento à saúde do consumidor.

Em todas as amostras foram encontradas a bactéria Escherichia coli, bactéria de grande relevância clínica por causar diarreia, que se configura como a segunda maior causa de mortes de crianças no mundo, a presença destes micro-organismos, principalmente de E. coli e Salmonella spp., são ótimos indicadores de qualidade e determinam se um alimento pode ou não ser consumido.

O estudo inédito realizado em shopping center da capital do estado, alerta para os riscos do consumo de alimentos contaminados e alerta o consumidor para ficar atento aos alimentos minimamente processados ou crus, pois estes quando mal manipulados apresentam maior risco a saúde, podendo levar a morte.

Dr. Ciriaco Pimentel é biomédico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *